sábado, 29 de janeiro de 2011

Momento frases: Seu Madruga

Continuando com o nosso Momento Frases, o nosso astro de hoje também entra no seleto grupo de filósofos do entretenimento, com os seus bordões que todo mundo já conhece e que eu nao canso de ver e rir toda vez que vejo, com vocês...

Seu madruga:

“Eu sabia que você era idiota, mas não a nível executivo!”
“Que que foi, que que foi, que que há? Digo…”

“Não há nada mais trabalhoso do que viver sem trabalhar!”

“A vingança nunca é plena, mata a alma e a envenena.”

“Não existe trabalho ruim. O ruim é ter que trabalhar.”


“Mas tinha que ser o Chaves mesmo!”

“As pessoas boas devem amar seus inimigos.”

“Olha os churros! Churros!”

“Sou pobre, porém honrado!”

“Isto é uma caliúnia! Uma caliúnia! Você sabe o que é uma caliúnia?”

“Por 100 mangos eu posso até ser a madrinha do casamento!”

“Só não te dou outra porque…”

“Com ousa me acordar às 10 da madrugada, Chaves?!

“Puxa, repuxa, recontrapuxa!”

“Estou juntando para te dar tudo de uma vez, um montão no fim do ano.”

“Vá ver que horas são na Catedral de Londres.”

“Não há luta pior do que aquela que se enfrenta.”

“Lembre-se que eu sou um velho lobo do mar…”

“Chaves vai ver se a porca do vizinho botou um ovo!”

“Somente as pessoas ruins sentem prazer em ver o sofrimento alheio”

“Chaves, a diferença entre as duas Alemanhas é simples, é que de um lado se toma Vodka, e do outro cerveja.”

“Não estou triste porque não arranjei emprego. Estou triste porque consegui arranjar.”

“É como se fosse naquele programa, pé de mais um”

“Você sabe quanto custa trazer um artista do estrangeiro? Ainda mais sendo de outro país?”

“Claro! São todas iguais, primeiro amor, amor, amor! Depois vem a cacetada!”

“Chapéu, sapatos ou roupas usadas quem tem!”

“Essa caveira significa prerigo! PRE-RI-GO!”

“São todas Iguais, primeiro ficam com o chapéu, depois acabam ficando com a carteira.” 

“Esse era exatamente o tipo de vizinha com que eu sonhei eternamente…”
“Vocês são moles com M de muito e medrosos com M de máximo. E além de moles com M de muito e medrosos com M de máximo, vocês são metidos com M de mal criados e medíocres com M de pátio da vila! ‘Mas pátio da vila não tem M!’ É dos muros em volta.”

Próximo filósofo do entretenimento: Peter Griffin

2 comentários:

Leo Mad disse...

Olá nós do blog Madness gostamos do seu blog e por isso estamos
te seguindo e gostariamos que você nos seguisse.

Já estamos te seguindo no twitter também.

Gostaria de fazer parceria por banner?
Se quiser deixe um comentário em nosso blog
sobre a parceria
Agradecemos desde já,

Twitter do Blog Madness
http://www.twitter.com/blogmadness

Blog Madness.
http://www.insannidad.blogspot.com

Guilherme Freitas disse...

Seu Madruga é um gênio, mito. Suas frases inspiram gerações. Abraços.